IELMO MARINHO: Prefeito foi preso preventivamente

Tribunal de Justiça expediu mandado de prisão contra Francenilson Alexandre dos Santos pelo crime de corrupção ativa
O prefeito em exercício de Ielmo Marinho, Francenilson Alexandre dos Santos, foi preso preventivamente nesta segunda-feira na Procuradoria-Geral de Justiça, em Candelária.

O mandado de prisão foi expedido pelo Desembargador João Rebouças no âmbito de ação penal oferecida contra o prefeito pelo Procurador-Geral de Justiça, Rinaldo Reis Lima, tombada sob o n.º 2016.001987-1. 

Nesta segunda-feira, ao comparecer na sede do Ministério Público do Rio Grande do Norte, Francenilson foi comunicado, pelo próprio PGJ, da existência da ordem para seu recolhimento ao cárcere.

De acordo com os autos da ação penal, o prefeito está sendo acusado da prática do crime de corrupção ativa, por prometer vantagem indevida a vereadores do município, para que estes votem favoravelmente à sua absolvição em processo de cassação em tramitação na Câmara Municipal.

Francenilson Alexandre assumiu a Prefeitura de Ilemo Marinho após o TJRN determinar o afastamento do então prefeito Bruno Patriota (PSD) como desdobramento da operação Resistência, de responsabilidade também do MPRN, ocorrida em setembro de 2015, que o investigou por crimes de corrupção ativa, coação no curso do processo, falsidade ideológica, suborno dentre outros, estando a respectiva ação penal em curso perante o Poder Judiciário.

Após passar pelo ITEP/RN, o custodiado será encaminhado ao Comando-Geral da Polícia Militar.
MPRN

0 Response to "IELMO MARINHO: Prefeito foi preso preventivamente"

Postar um comentário