Da esperança a crise: a experiencia das politicas regionais no Nordeste

Autora: Carvalho, Fernanda Ferrario de

Resumo: 

Este trabalho faz uma análise da experiência das políticas regionais no Nordeste do Brasil (através de seus planos, programas e propostas), nos últimos 40 anos, e de seus desdobramentos sobre a economia e a sociedade nordestinas. A partir de uma breve retrospectiva sobre a ocupação do espaço econômico nordestino, analisa-se o processo de articulação com o mercado nacional e a ascensão do capital industrial, até a emergência da problemática regional no País, que culmina com a criação da SUDENE. Em seguida, recupera-se, com base no relatório do GTDN, a trajetória das políticas regionais (agrícolas e industriais, principalmente) implementadas na região, entre 1960/1985, e analisam-se suas implicações sobre a estrutura econômica nordestina e sobre a concentração produtiva e as desigualdades regionais. A seguir, tenta-se compreender as políticas regionais no contexto de reabertura política, aprofundamento da crise do Estado e abertura indiscriminada da economia, com diminuição do papel do Estado. Em termos regionais, analisam-se a vulnerabilidade por que passa a SUDENE, as implicações sobre a política regional, e os rebatimentos econômicos, sociais e sobre o processo de desconcentração espacial então em curso no País.

0 Response to "Da esperança a crise: a experiencia das politicas regionais no Nordeste"

Postar um comentário