O CENÁRIO POLÍTICO NO RN: Os bastidores fervem

O PSOL, provavelmente, apresentará a candidatura do professor Robério Paulino (UFRN). Foi o candidato que votei no primeiro turno em 2014.

A senadora Fátima Bezerra será a candidata do PT. São pontos que julgo favoráveis para a candidata: o desgaste fenomenal do atual governador, a força inegável de Lula no RN, o amadurecimento político da senadora e a ligação histórica com os movimentos sociais.

A provável parceria com o PR dos Maias, João e Zenaide, é uma necessidade estratégica, mas... É um novo abraço com o que temos de mais atrasado na política!!!

Aliás, recebi informações que João Maia já se mexe com relativa desenvoltura nos bastidores da política e vem 'conversando' com alguns futuros apoiadores para sua provável candidatura a deputado federal. Rumores apontam que o apoio de um vereador pauferrense já foi fechado para João e Zenaide. Aguarde-se.

A eleição ocorrerá em outubro de 2018. Fosse hoje o atual governador não seria candidato, mas ainda tem tempo para, quem sabe, viabilizar a candidatura. Talvez pensando em reeditar a 'surpresa' de 2014, ou, mais modestamente, assegurar a eleição do filho, talvez da mulher... Coisas do RN.

O prefeito de Natal, Carlos Eduardo, é apontado como provável candidato do clã Alves. Dizem que o prefeito quer manter distância (na frente do povo) dos parentes encrencados e, principalmente, dos Maias. A análise é que figuras como José Agripino e Garibaldi espantam eleitores.

É claro que os 'tradicionais' mandachuvas do RN não vão permanecer com 'a boca escancarada esperando a morte chegar'... Já têm alternativas. A mais provável é a candidatura do desembargador Cláudio Santos.

O desembargador se aposentará no início de 2018 para se dedicar ao 'projeto'. Por enquanto, continuará palpitando em tudo e apresentando 'soluções equivocadas' para os problemas certos.

Quer se apresentar como a 'novidade', o 'destemido', o governante que não terá receio de tomar medidas duras (claro que as 'tais medidas duras' jamais afetarão os interesses dos amiguinhos. Sempre em desfavor de contribuintes, servidores e do povo pobre...), enfim...

No momento, Santos ainda é o plano B de tucanos e democratas, mas a dificuldade em aparar as arestas com o PMDB e a ausência de um nome de fora da política tradicional (um empresário bem sucedido) servem como fermento para o 'projeto' extremamente conservador de Santos.

Triste torrão. Até a esperança é limitada!

0 Response to "O CENÁRIO POLÍTICO NO RN: Os bastidores fervem"

Postar um comentário